Aplicativo da Uber para IOS tirava fotos da sua tela sem você saber
Uber esteve espionando Iphones durante os últimos meses ou anos

Aplicativo da Uber para IOS tirava fotos da sua tela sem você saber

Compartilhe!

Publicidade

A Uber é uma das muitas e muitas start-ups que surgiram nos últimos anos. Cresceu de uma maneira espantosa e junto com esse crescimento trouxe várias crises internas e externas que balançaram o negócio e levaram a empresa a angariar o ódio de algumas pessoas. Já perdi as contas de quantos CEOS assumiram e foram demitidos da empresa por conta de alguma treta envolvendo o aplicativo de caronas pagas e, desta vez, uma nova informação pode abalar a empresa.

Alguns pesquisadores revelaram ao site Gizmodo que o aplicativo para IOS continua uma autorização secreta para tirar prints da tela dos usuários do serviço no IOS, o sistema operacional dos Iphones. Segundo Will Strafach, pesquisador de segurança e CEO da SUDO Security Group, “Parece que nenhum outro desenvolvedor de terceiros conseguiu fazer com que a Apple lhe garantisse um entitlement privado sensível dessa natureza” e ele complementa “Considerando os problemas de privacidade antigos do Uber, estou muito curioso para saber como eles convenceram a Apple a permitir isso.”.

Segundo a UBER, essa funcionalidade não está mais sendo utilizada e deverá ser excluída na futura atualização do aplicativo.

Essa permissão dada pela Apple, representa um risco grande de espionagem do seu smartphone. A Uber ou alguém que invadisse o seu sistema, poderia facilmente criar um clone do seu celular para descobrir em que ponto da tela os seus dedos fazem pressão, revelando com isso senhas e acessos à outro serviço.

Além disso, a funcionalidade poderia servir para a Uber vigiar e estudar o uso por seus usuários de aplicativos ligados a empresas concorrentes.

Publicidade

Não sabemos há quanto tempo isso acontecia, porém especialistas advertem que essa funcionalidade poderia ter estado ativa por mais de um ano.


Compartilhe!

Rafael TAB

Rafael tem 26 anos e mora no interior de São Paulo. Diagnosticado com transtorno bipolar é fissurado por cultura pop e nerd desde os 9 anos de idade quando foi apresentado ao sítio do Pica Pau Amarelo e logo depois ao fantástico mundo de Harry Potter. Hoje é um grande fã de O Senhor dos Anéis e Star Trek. Tem fascinação por áudio-visual, tecnologia e games.

Deixe uma resposta

Fechar Menu